quarta-feira, 27 de novembro de 2013

Maria vigarista



ISTO É TÃOOOOO EU!

 (ihihihihihihi!!!)




Maria falha no romantismo



Assumo que tenho a correr nestas veias que a terra há de comer um pouco de romantismo impossível deslambido orgásmico apimbalhado e escandaloso.

Assumo que volta e meia cavalgo nos meus pensamentos e imagino-me a viver aventuras e tramas românticas, imagino-me ser resgatada do meu local de trabalho por um árabe enigmático moreno com olhos de esmeralda que deitam raios libidinosos e eu sou levitada para o seu colo levando-me montada no seu unicórnio branco para ver o por do sol. 

Imagino-me astronauta, viajando na Galactica (nave) deambulando pelo espaço num encontro romântico a beber vinho alvarinho às bolhas e a comer mexilhões de tomatada "pairantes", que deambulam por entre mim e o meu par a convidar ao chupanço!



Imagino-me no Titanicatchu ( aquele que não afundou), eu Kate e o Caprio a agarrar-me nos backside's a sussurrar coisas românticas e porcas e eu a sentir-me a voar.

Bem...

Acontece que a vida não é bem assim. Sou uma romântica falhada, tudo me soa a falsificado, a provocado, um jantar a velas, o meu gajo é cegueta, não pode ser! Uma banheira cheia de agua e pétalas é um desperdício de agua. Um duche a dois? Não cabemos, somos grandes, pois a única coisa romântica que conseguimos são cotoveladas em sítios impróprios. Um passeio a beira mar faz-se em 10 minutos. O por do sol torna-se mais bonito num filme que propriamente ao vivo por há sempre qualquer coisa que chega para estragar o momento. 

Enfim... sendo assim:

Acho que estou numa fase da relação que o romantismo subiu ( ou desceu ) de patamar, aprecio um longo almoço com conversas divertidas, aprecio partilhar com o meu gajo um filme policial e um balde de pipocas, aprecio numa noite fria partilhar a botija de agua quente e fingir que está mais frio do que realmente se encontra.  

Posso chamar romantismo ao simples facto de apreciar a companhia do meu marido?

(excepto quando ele faz migalhas).

Mais uma vez chego a conclusão de sempre, cada um é como cada qual. 

kisskiss


terça-feira, 26 de novembro de 2013

Maria apresenta a Suse Prejudicada


Outra personagem extremamente caricata que infelizmente partilha o meu  dia a dia é a Suse Prejudicada.

Pessoa egoísta, egocêntrica, desconfiada e matreira, que engana e dissimula à primeira com a sua voz meiga e o seu sorriso escancarado. 

Não se enganem, é a primeira a atirar a pedra mal virem costas, nunca de frente pois não gosta de frontalidades mas uma vez encurralada, é como um bicho selvagem e morde até a mão que a tenta ajudar, é também mestre em se esquivar de situações que a prejudiquem, sem olhar a quem pisa.

Constantemente vitimiza-se, pois todos adoram cobiçar o que é dela, o que supostamente seria para ela, o que ela nem sabia que era para ela mas podia vir a ser.

Sinceramente Acho que ela guarda num caderninho vermelho todas as acções vis que ela foi alvo, juntamente com nomes, datas, etc.

Oras a Suse Prejudicada é mãos largas numa coisa, as dores dela, as preocupações dela, a vida dela, temos de nos interessar e mostrar-nos ou doridas ou alegres conforme o episódio contado. Não interessa se não te apetece ouvir, aliás ela nem sequer equaciona esse facto.

Fala pelas barbas, sem reparar sequer que já não lhe dão cavaco. Quando se apercebe que está a falar sozinha faz uma coisa curiosa...

Sem parar de falar, visualiza perifericamente a sala até se cruzar com alguém desprevenido, (normalmente eu), afim de chutar os seus tentáculos verbais para mais uma aventura dos Prejudicadinhos. ( família da Prejudicada)



há dias que ainda se aguenta, mas há outros que não há pachorra!!!!





segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Maria aconselha : Prendas de Natal



Dica de presente: já é possível mandar mandar gazes* pelo correio.


Se você estava na dúvida sobre o que dar de presente de Natal para aquele primo, sobrinho ou irmão, não tema. Temos a dica de presente ideal para ocasião: o Fart by Mail* (peido pelo correio).
O serviço, criado na Califórnia, envia para os destinatários que você escolher um cartão de felicitações que acompanha os sons e o odor que só um peido é capaz de produzir. O pacote, que custa nove dólares, pode ser encomendado pelo site da marca – www.fartbymail.com.


sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Maria Astral



(Ontem discutia-se signos no meu trabalho)

(já repararam que todos pensam que o seu signo é o melhor? Vá lá, mesmo secretamente 
admitam lá....)

"Sim!!! Ohhh... o meu signo é fantástico , ui que virtudes upa upa!" 
"Os defeitinhos? aiii que engraçados...não é bem assim, é só as vezes."


...

Quem inventou os signos foi um forreta!  Quem o fez não pensou na evolução humana, são 12 signos para uns quantos valentes milhões de pessoas, seremos assim tão iguais? 

Recuso-me!!! Recuso-me cingir-me a aceitar tal e qual o meu signo me dita.

Mas espera aí.... aquela miúda que nem simpatizo muito, também tem o mesmo signo que eu, e a outra apagadinha com o nariz sempre a pingar também, será que ela é tão fantástica como eu? 




Então o que é que nos diferencia? 

As experiências da vida? 
A forma como fomos educados?
O ambiente onde crescemos?
As pessoas com quem nos damos?

Acho que é mais isso...


Afinal, somos todos especiais e a maioria nao sabe!!!!!

(acho que esta ultima frase merece um post)


terça-feira, 19 de novembro de 2013

Pontos negros versus Maria



Ás vezes até me babo.....
(devo ter qualquer problema fisiológico)

Opiniões de Maria

Vidas perfeitas, famílias perfeitas, casas perfeitas, carreiras perfeitas, DIY perfeitos, comida perfeita, viagens perfeitas.... mundo de merda.

Estou a escrever este texto em função de um outro que li ontem a noite enquanto deambulava pela net ao fim de duas horas, (sim, a net é a minha companhia). 

Não tenho nada contra o facto de as pessoas colocarem o bom o mais e o melhor nos seus posts de blogs, facebook ou onde quer que seja mas quando se passeia por um blog e tudo é bom, tudo é maravilhoso, as tantas começo a pensar que estou a ler uma revista cor de rosa ou de decoração. 

( como o blog é meu, apeteceu-me opinar)

Porra, a minha vida não é assim!!!!!! 

Eu não estou sempre a mudar a sala ou o quarto, eu não estou sempre a fazer comidas e bolos extremamente calóricos, (senão já não cabia na porta). Eu não estou a fazer compras a toda a hora e se eu passasse a vida a passear ou em festas queria lá saber da internet. 

O texto que li parecia uma resposta velada, extremamente bem elaborada a algum hater, e que por palavras mais singelas eu resumo ao seguinte:

- se  a blogger quiser ou se outros bloggers quiserem só colocar o que é bom, são opções. A  situação actual do país, esta demasiado feia e cinzenta, com as pessoas a serem bombardeadas nos jornais e tv com más noticias, e quem não quiser ver. Não leia.

(gostei da resposta, efectivamente não podemos gostar todos de amarelo)

Sendo assim, eu não leio...de vez em quando "passo os olhos"...(rs!), mas não sigo como sigo outros bloggers. Ninguém tem de colocar podres, ou apresentar factos de problemas vividos, mas caramba, somos carne e osso, humanos que erram que caiem, que se enganam, porque não assumir esse lado não tão perfeito.

Por isso gosto de seguir pessoas anónimas ou corajosamente não, que conseguem deitar cá para fora desabafos, crises e desamparos... por isso gosto de seguir pessoas que mostram alegria porque fizeram algo na perfeição uma em dez vezes, por que vida é mesmo assim. Por isso gosto de ler episódios de vida que me dão esperança. Por isso gosto de ler pessoas genuínas, estou farta de Misses Universos que só querem a paz no mundo e que as criancinhas não passem fome. Politicamente correctos, até aqui????? 

ahhh....não, aqui não!!!! 

fuck.... 



segunda-feira, 18 de novembro de 2013

domingo, 17 de novembro de 2013

Maria e os churros do Mercadona*

Só mesmo os espanhóis para se lembrarem disto, churros em spray, claro está que tive de comprar, não é dos meus doces predilectos mas apeteceu-me armar-me em "Balbina das Farturas" e fazer cá em casa uma travessa. Também a pedido do mais que tudo que se regala para tudo o que não deve.

Ora por 1.70€,(+-) comprei a lata no Mercadona* e trouxe-se para Portugal, e hoje apeteceu-me experimentar...


            
Ficou aprovado, óbvio que a massa não é a mesma da Balbina mas, para uma coisa enlatada não estava nada má... deu para uma travessinha e só me lembrei de tirar foto quando faltam 5 para devorar. 

Agora pergunto, depois de ter visto os "secret eaters" no canal TLC*  que serviu para me consciencializar do meu problema, como é que eu me olho ao espelho?!?!?! 
Depois de me ter feito uma promessa secreta de tomar cuidado com o que como. 
Quantos triliões de calorias devo ter ingerido? Quando é que eu tomo vergonha na cara???



Como diz a Ceição.... " ficamos assim!!!"...
e mais não digo.


sábado, 16 de novembro de 2013

Crime na terra da Maria

Vou-vos apresentar uma personagem, a "Xuxa Aldente".


A Xuxa Aldente é uma personagem deveras peculiar. Eu acho que ela venderia a alma para conseguir o elixir da juventude, mulher de meia idade obcecada pela imagem que vive agarrada as suas convicções e recusa-se acompanhar os tempos modernos. 

Por ela, só existia uma terra, ( a nossa aldeia), por ela computadores não existiam, por ela tinha-me a trabalhar para ela 7 dias da semana, por ela o Facebook* vinha em caderneta de cromos. Por ela não existiam pessoas sem dentes e gordas, por ela todos trabalhávamos na Marinha porque as regalias continuam a ser boas.

Bem, escrevia um livro sobre a personagem e as suas teorias ( e falarei mais dela lá para a frente), mas hoje apetece-me satirizar. 

Ontem ligou-me porque no local do trabalho roubaram-lhe uma pescada.


Hoje estamos de LUTO*

(*pela pescada)


sexta-feira, 15 de novembro de 2013

Maria e o além


Porque é que choro sempre que vejo a Melinda?? 





A cena de talking with the dead arrepia me, fascina-me  e intriga-me! 

Sou um um bocadinho céptica, estou sempre a arranjar justificações lógicas para mas ao mesmo tempo faço coisas que não parecem tão lógicas assim. ( essas particularidades ficam para mim, é maluco demais até para eu contar aqui). 

(vocês não se sentem observados quando vão à casa de banho? Tenho essa sensação...E quando estou nas intimidades com o meu marido, as vezes penso, será que os meus antepassados estão sentados a assistir e a comer pipocas fantasmagóricas?) Fónixxxxxxxxxxxxxxxx....eu sou mesmo avariada!

Talvez seja uma esperança e não me importo de me agarrar a esta ideia... Pois custa me a aceitar que a vida seja só isto, para uns excelente, para outros mediana , sensaborona e para outros uma vida madrasta, ou seja ... Mázinha! 

No pouco que creio quero crer nisto, quero acreditar que quem passou pela derradeira barreira está bem, que esteja a experimentar ou a viver ( se é que se pode dizer assim), um tipo de tranquilidade e consequente paz de espírito!


Claro que tudo isto é muito complicado e subjectivo... Mas se noutras coisas torço o nariz ou bloqueio, esta é aquela que permito que a porta se mantenha encostada! 


Sei lá.... não quero pensar que depois disto, não há mais nada.






Confissões de Maria







A verdade é que não!!! Nem com roupa de inverno e mais tapada me sinto mais magra. Sinto que estou a acumular gordura tal como uma foca no Ártico, aquelas grandes...cinzentas, com quatro dedos de espessura de gordura para não sentir o frio. 

Pior, sinto me gorda num local que acho que nada posso fazer, a não ser que tome medidas drásticas e comece a fazer um raio de uma dieta a seria.

A minha cara!!!

A minha cara esta a ficar quadrada cheia de papada, começo a sentir que as minhas olheiras estão a evidenciar se e o nariz esta cada vez mais cartiloso. Juntando isto a uma pele branca farinha e um cabelo quase preto, acho que vou ser convidada para um remake do filme " The ring"!!!

(sim, estou a exagerar).

Acontece que cada vez que me olho de relance ou num espelho ou num reflexo qualquer tenho a noção que estou a olhar para um familiar que ate nem simpatizo. Ganda facada!!!

- Puta de sorte, quer ver que vou ficar parecida com ela??? Espero tanto, tanto tanto que não....

Sou uma autocrítica assumidissima, e provavelmente quem me conhece e me ama diz que estou a ser tonta. E eu ate aceito.... eu não vejo defeitos nos meus amigos, eles tb podem não alcançar os meus, mas o problema é o que sinto e como me sinto. Juro que gostaria de mudar esta maneira de pensar e gostar de me ver ao espelho e assumir as minhas "marcas de guerra" com orgulho.

Estou farta daquela frase cliché típica de gente bonita... " temos de gostar do nosso corpo, aceitá-lo e saber viver com ele." 
Vão-se fod.........piiiiiiiiiiiiiiiii! 

Mas não....
Tento não pensar nisso.
Tento que não se fale nisso.
Tento desviar a atenção disso.
Por isso...
Tento viver com isso.
(fica a pergunta, se isso não tivesse condicionado a minha maneira de ser e agir, onde eu estaria agora????)

Nem vou pensar nisso.........

Talvez com 80 anos eu me aceite.

*Peço à minha única leitora, que não ligue ao que escrevi...(nem estique o pescoço a achar no meu perfil a minha papada ...(já te conheço de ginjeira)



terça-feira, 12 de novembro de 2013

Maria e os seus botões


Não sei o que dizem de mim, não sei o que pensam.
Imagino...
Imagino que aos olhos de estranhos pareço fechada, sisuda, calada, desconfiada, quiçá antipática e assim persona non grata para ter por perto.

Obrigadinho!

Não é que leve isso muito a peito, se calhar até agradeço, assim não tenho de socializar mais do que já o faço. 
Mas incomoda-me ao mesmo tempo. Não ser agradável no primeiro click of an eye*  significa que aparentemente sou desinteressante e consequentemente descartada.


A verdade é que são muito poucos os que me conhecem verdadeiramente....



segunda-feira, 11 de novembro de 2013

Episódios de Maria


- Estou? Maria... Sim.. Estava a pensar se podíamos sair hoje...


                                   

- Sei lá... Não me sais do pensamento! A toda a hora recordo-me de algo sobre ti e ando feito parvo a sorrir sozinho...

                                        

- diz que sim.... Ando a dar em doido! Preciso de estar ctg...

- sim?...sim? 

- Hum... Tenho tantas saudades de te abraçar...

                                      

- às 8? ...

- Eu espero, não te preocupes...beijo.

*** click - ( ela desligou)
   


sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Males de Maria


Até tenho medo de perguntar... 
mas...
HÁ MAIS ALGUMA MALEITA PARA ME CALHAR ENQUANTO ESTOU DE FERIAS???? 

Cruzes canhoto, bate aí na madeira!!!!


quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Late nigth Maria

Incrível como as conversas fluem quando estamos à luz da lua e velas!

                                       

Kiss kiss



terça-feira, 5 de novembro de 2013

Maria mercadona


Como o meu pai costuma dizer... 
- Supérfluos, só supérfluos!
Que seja!!! 

Uma vez por ano vou ao Mercadona* e compro marcas e produtos que nao conheço! Adoro testar e experimentar! Tudinho... Desde comida aos detergentes.
Pareço uma burra no batatal !
E fico espantada sempre com o mesmo, como os preços dos nuestros hermanos conseguem ser mais baixos que os nossos em quase tudo? Fico chateada!!! Pois claro que fico!
Resultado: entro em "modo de formiguinha"... e "arrecado" para o inverno! 
Mais um saldo positivo, excepto na carteira! Bahhh e como a minha mãe diz e muito bem... "Um dia não são dias, se te faz feliz, compra!!" 



segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Maria shopaholic'a

Compra da semana, nao...
Do mês! Não...do ano!!!

Eu explico!!!

Todos os anos em Novembro vou uma semana de ferias para o mesmo sitio. Lá ( no ano passado), enamorei-me por umas botas caneleiras mas apesar de achar que valia o dinheiro, o preço nao foi atrativo  ao meu bolso! E fiquei com este desejo adormecido na esperança de as conseguir comprar este ano! E assim foi... Hoje fui visitá-las e deparo-me com a loja nas "ultimas", aliás acho que se mantem aberta por teimosia do dono em admitir que a crise e os chineses ganharam a batalha!
Entro e pergunto pelas caneleiras, so as vi na secçao de homem e temia q nao houvesse o meu numero! 

- bom dia, as caneleiras q tem sao so para homem?
Ele respondeu a sorrir - bom dia, as caneleiras sao unisexo! 
- nao era isso que queria dizer, queria saber se tem numeros de senhora!
Apos me mostrar perguntei o preço a medo... 
- São 40 euros, mas faço lhe uma atençao, fica a 37.50€!

Comprei-as no minuto seguinte, amo-as e vou dormir calçada! Hoje o meu saldo é positivo! Beijinhos



domingo, 3 de novembro de 2013

Maria doente e companhia lda.

Quem disse estar doente a dois nao é romantico?
Pois é verdade!! 
Eu e o meu mais que tudo estamos com uma valente gripalhada!
Estamos de férias com um calor que faz lembrar a primavera e que faz apetecer andar de manga curta e chinelo e isto em pleno Novembro, note-se... 
Em vez disso tenho de andar agarrada a lenços de papel, pastilhas para a garganta, vicks e cêgripe e o meu mais que tudo também! 

Então dividimos irmanamente a coisa desta forma: 

-dores de cabeça, tosse e febre ficou a cargo dele.
-dor de garganta, no corpo, atchim's e dariz tapado ficou para mim.

(As melhoras para nozes!)




                              

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Definições de Maria



««« Descobri uma palavra nova... »»» 

  • Zombie *(a vertente mais comum)
    A perseguição dos mortos-vivos
  • Um zombie é um cadáver ressuscitado por meios mágicos, 

    como bruxaria. O termo é frequentemente aplicado de 

    forma figurativa para descrever uma pessoa hipnotizada 

    privada de consciência, mas que consegue andar e 

    responder aos estímulos ao seu redor.



  • OrigemTradição de vudu na África Ocidental e no Haiti
    GrupoCriaturas mitológicas
    SubgrupoMortos-vivos
    AlimentaçãoCarne humana, com especial preferência pelo cérebro
    Como evitá-losNão te juntes a grupos de pessoas a dançar e em que o líder esteja com um fato vermelho; mantém-te longe dos cemitérios
    Como derrotá-losAponta à cabeça




  • Existe outro tipo mais comum, sabiam?
    São os....


    Zombie'idos *(é esta!)
  • A perseguição dos falecidos-esquecidos

    Os zombie'idos são ressuscitados-conhecidos provenientes do nosso passado, por meios alheios a nossa vontade, como a coincidência e a ironia do destino. O termo é frequentemente aplicado de forma figurativa para descrever uma pessoa que se cruza no nosso caminho de forma inconsciente , ou as vezes talvez não, e que provoca reacções na maioria das vezes negativas por fazer recordar à vitima situações traumatizantes no passado.
  • OrigemTradição CuCuRu...CuCu originária da Margem Sul do Tejo.
    GrupoCriaturas rastejantes andantes e ranhosas 
    Subgrupo: Esquecidos
    Alimentação: Palha, urtigas e mijo de burra.
    Como evitá-los: Enfiar um carapuço na cabeça, ou fingir que não os vemos.
    Como derrotá-los: Fixar o olhar para se sentirem incomodados, murmurar palavras para dar a entender que se esta a balbuciar encantamentos de mau olhado ou imaginar a pessoa numa situação constrangedora e rir. Em ultimo caso correr atrás da entidade aos gritos com uma cruz na mão.

    ...ontem vi o meu ex-marido!
    (tá tudo dito!!)