segunda-feira, 30 de junho de 2014

Maria foi à tosquia

Normalmente vou passar férias a uma aldeola no norte interior que podemos chamar de Vilar dos Bigodes, (talvez porque por lá há muitos). 

Não é terra de família, infelizmente, mas é um sitio onde me habituei a passar ferias e a descansar do stress de Alguidares.

Por tradição e por graça vou sempre cortar o cabelo ao salão Cristal, onde já sou conhecida por lá ir nesta altura e sou recebida com amizade. Por norma e por não confiar muito nos dotes de cabeleireira da dona peço sempre para cortar as pontas, mas desta vez apeteceu-me ser "wild".






Bem, não quero dizer que o cabelo não tivesse ficado bem cortado, mas o entusiasmo era tanto a falar mal do ex, que cada vez que se lembrava de mais qualquer coisa era mais uma tesourada no meu cabelo. Resultado? Estou com o cabelo mesmo curto. O que aprendi?

Limitar-me a falar do tempo quando for à cabeleireira. 


23 comentários:

  1. Nunca distrair um profissional pode dar asneira hahah

    ResponderEliminar
  2. Eu não quero ir à máquina zero!
    Eu não quero ir à máquina zero!

    Rui Veloso

    Ahahahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. grrrr...gozão!

      Olha mais uns 4 dedos e era maquina zero! lol

      Eliminar
  3. Elementar minha vileda, elementar!!!! Lol

    ResponderEliminar
  4. Ui.... É por essas (não, por acaso é por outras!) que sou eu a cortar o meu próprio cabelo ;)
    Beijinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Madalena não tenho jeito nenhum para o fazer! E tenho muita pena disso.

      Eliminar
  5. Se o verão sempre chegar, já estás em vantagem para o receber. O cabelo muito comprido e o calor, e tal, blá, blá... Beijinhos Maria e um bom dia! :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. mas molda a cara.... sempre tive cabelo comprido. Sinto aqui falta de qualquer coisa. lol

      Eliminar
  6. Respostas
    1. sim....

      ( diz-me que é moda querida Sónia, o corte " à mulher casada").... diz?

      Eliminar
  7. Também já me aconteceu assim uma vez... mas foi distração dela, não conversa minha... vim de lá de rastos, até chorei (que bebé! Vergonha...)
    O que valeu foi que tomei um pozinho (ecophane) e o cabelo cresceu num instante! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Lete, vou pesquisar o que é esse pozinho! ;)

      bjs

      Eliminar
  8. Nem imagino se isso me acontecesse... Nunca tive o cabelo tão comprido como o tenho agora... E há anos que ando nesta luta de cortar somente as pontas (e só em lua de quarto crescente eheheh) para ver se o bicho me chega ao c... err... à cintura, ou lá perto... :)))

    Às vezes tenho essa pancada de querer cortar um bom pedaço, mas depois sei que vou arrepender-me e passa-me logo a mania :)))

    Mas vá, isso cresce, é o que vale! Para o ano lá vais tu ao salão cristal cortar só as pontas :)))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. bemmmmmmmmm....a minha bigodinhas deve de ter cá um cabelaço bonito de se ver.
      Cresce pois.... até fica com mais força!
      Não me apoquento muito por isso.
      beijinhos kiduxa

      Eliminar
  9. Hahahaha! Carecada Maria? Olha para mim uma carecada era coisa para demorar a crescer uns 15 anos.
    Ele há por aí cabeleireiras muito doidas... credo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O meu daqui a meio ano já está como estava antes de ser cortado...
      Tenho de ter paciência e não posso pensar muito.... o pior vai ser quando ele atingir aquela fase parva de bater nos ombros....

      Eliminar
  10. Ahah coitadinha! Entusiasmou-se! Entao poes-te a falar de um passado desagradavel ela tem que afogar as magoas nalgum lado! Neste caso no teu rico cabelinho :D xxx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mais minha linda.... mas estou a começar a habituar-me ao corte. :)))

      Eliminar

Quem quiser pode ajudar a varrer... faça favor! : )