quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Xupeta esgota a Maria.

Como já vos tinha contado à uns tempos, Xupeta Feijó, prima de Xuxa Aldente (minha chefe), encontra-se a trabalhar no meu sector. Foi lá colocada em circunstâncias muito especiais. Acho que para a "calar", sobre determinado assunto que agora não interessa. A questão que se põe é que a pessoa não tem perfil para o trabalho e não acredito que um dia vá ter. Espero estar errada.

Xupeta aos 50 anos descobriu que existem computadores e que além de servirem para ir ao facebook até servem para trabalhar. Mas o problema é que a meteram num sector onde o computador é um instrumento de trabalho. Não quero aqui rebaixar ninguém, obviamente ninguém nasce ensinado. O problema é que o tempo é tão curto que não dá para ensinar mais do que duas vezes. E a facilidade de aprendizagem é nula. Ontem Xupeta levou uma tarde inteira, esgotando a paciência de 3 colegas para aprender a copiar e colar no excel. Acho que lhe faz confusão manusear o botão do rato à esquerda e depois o do lado direito enquanto tem de ver que quadrado copia e onde cola. Não conseguia por nada, e deu quase origem a 2 esgotamentos e uma gastrite nervosa às colegas.  Mais, colocaram-na a atender o telefone e a forma de falar e conversar com os clientes é tão desleixada, nada nada profissional. Eu sou pessoa para ajudar, e ajudo muito, aliás sou das que mais se levanta quando a vejo com dificuldades. Mas a minha paciência tem limites. Espero sinceramente que a priminha dela se chegue a frente e lhe dê umas aulas extra. 

10 comentários:

  1. Tinha uma Xupeta Feijó no meu antigo trabalho. Um stress em forma de gente!!
    Aguente aí, Maria!

    Bjoo'o

    ResponderEliminar
  2. Tenta manter a tua saúde mental :):)


    tarasemanias.pt

    ResponderEliminar
  3. Odeio! Principalmente porque não podemos fazer cut ou delete a elas :)

    ResponderEliminar
  4. Caramba, 50 anos ainda é idade muito boa para aprender! Digo eu, que tenho 41 ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Quando mete família, é o cabo dos trabalhos. Prima....
    bjinhos

    ResponderEliminar
  6. Pior é chegar aos 50 anos sem nunca ter tido um pouco de curiosidade por tecnologias sem as quais hoje praticamente não se consegue trabalhar.
    Detesto gente paradinha no tempo...

    É verdade, tenho-me esquecido de perguntar se estás melhor do berbigão. Ou melhor: dos efeitos do berbigão. eheheh

    ResponderEliminar
  7. É sempre horrível quando não temos a experiência e formação para um posto de trabalho, a prima devia saber resguarda-la mais...

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  8. É muito difícil ensinar quem não quer aprender!!!

    ResponderEliminar

Quem quiser pode ajudar a varrer... faça favor! : )